SERVIÇOS - Santa Casa da Misericórdia de Fafe

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Hospital de São José regressa à Misericórdia

A Santa Casa da Misericórdia de Fafe assume, desde o dia 1 de janeiro de 2015, a gestão do Hospital de São José.
No âmbito do acordo de cooperação estabelecido com a ARS Norte e, cerca de 40 anos após ter sido nacionalizada, esta unidade hospitalar volta a ser gerida pela instituição que a construiu em 1863 com capitais angariados junto dos “emigrantes brasileiros de torna-viagem”.
O documento, assinado a 14 de novembro de 2014, prevê que o hospital continue integrado no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e assegura os seguintes serviços:
- urgência básica 24 horas;
- consultas externas, nas especialidades de cirurgia geral, oftalmologia e ortopedia;
- cirurgias em regime de ambulatório das mesmas especialidades;
- meios complementares de diagnóstico e terapêutica.

<< E D U C A Ç Ã O >>
PRÉ-ESCOLAR
CRECHE

Objectivos:
Promover o desenvolvimento da criança, proporcionando-lhe actividades educativas orientadas no sentido da preparação pré-escolar e actividades de apoio à família.
(lei nº 5/97, de 10 de Fevereiro – Lei Quadro da Educação Pré-escolar)

Destinatários:

Crianças dos 4 meses aos 3 anos

Capacidade:
57 crianças no Infantário 1
57 crianças no Infantário 2

Destinatários:
Crianças dos 3 aos 5 anos


Capacidade:
88 crianças no Infantário 1
67 crianças no Infantário 2

Objectivo:
Proporcionar às crianças condições adequadas ao desenvolvimento harmonioso e global, cooperando com os familiares em todo o seu processo educativo.

ATL

Destinatários:

Crianças dos 6 aos 12 anos

Capacidade:
Com alimentação: 60 crianças (Infantário 1)
60 crianças (Infantário 2)
Sem alimentação: 151 crianças nos 5 Centros
SALÃO DE ESTUDO

Destinatários:

Crianças dos 6 aos 16 anos
Capacidade:
Sem limite

Recursos Humanos:
3 monitoras

Objectivos:
Proporcionar actividades no âmbito da animação sócio-cultural bem como orientação/apoio nos trabalhos escolares, contribuindo para a construção do desenvolvimento integral das crianças e jovens.
Favorecer a inter-relação família / escola / comunidade / instituição em ordem a uma valorização, aproveitamento e rentabilização de todos os recursos do meio.

Objectivos:
Proporcionar actividades motivadoras para o envolvimento personalizado no processo de aprendizagem de forma  a que cada aluno tenha orientação/apoio nos trabalhos escolares e na preparação das matérias leccionadas, contribuindo para uma preparação mais sólida a fim de tornar possível o sucesso escolar ao adquirir estratégias e metodologias de estudo que lhes permite, no futuro, serem autónomos.
Favorecer a inter relação família / escola / comunidade / instituição, em ordem a uma valorização, aproveitamento e rentabilização de todos os recursos do meio.

MÚSICA

Destinatários:
Aprendizes a partir dos 6 anos


Capacidade:
30 aprendizes

Recursos Humanos:
2 Docentes

Objectivos:
Proporcionar actividades lúdico-criativas, nos tempos livres, de forma a desenvolver o gosto pela música, educar o ouvido para diagnosticar as crianças que vão mostrando competências básicas, de forma a orientá-las a ingressar numa escola oficial de música a fim de que estas crianças futuramente possam desenvolver  as suas capacidades musicais .
Os que não seguem escola superior de música , ficam com preparação/sensibilização para integrar e dinamizar, a nível musical, grupos de jovens.
Aprendem iniciação musical
Iniciação ao teclado / órgão
Guitarra Clássica 

<< T E R C E I R A   I D A D E  >>

A Terceira Idade é servida a partir de quatro Lares que se situam, tanto dentro da cidade (Lar Cónego Leite de Araújo, Lar do Calvário e Lar D. Alzira Oliveira Sampaio), como em freguesias (Lar Joaquina Leite Lage) e tendo como finalidade a prestação de um conjunto de serviços:  alojamento,

  • alimentação,

  • tratamento de roupas,

  • cuidados de saúde primários,

  • higiene,

  • conforto pessoal, que contribuem para  a promoção e manutenção do bem estar bio-psico-social de cada idoso quando a família não tem condições para o fazer .


Na sede (Lar Cónego Leite de Araújo), para além dos serviços anteriormente mencionados, podemos também adicionar os seguintes:

  • Centro de Dia

  • Apoio Domiciliário a Idosos

LARES PARA IDOSOS

Destinatários:
Idosos com mais de 65 anos


Capacidade:
Lar Cónego Leite de Araújo: 85 Idosos
Lar do Calvário: 40 Idosos
Lar da Fábrica do Ferro: 40 Idosos
Lar D. Joaquina Leite Lage: 45 Idosos
CENTRO DE DIA

Destinatários:
Idosos autónomos.


Recursos Humanos:
3 Ajudantes de Lar e Centro de Dia

Objectivos:
Prestação de um conjunto de serviços: alojamento, alimentação, tratamento de roupas, cuidados de saúde primários, higiene, conforto pessoal, que contribuem para a promoção e manutenção do bem estar bio-psico-social de cada idoso quando a família não tem condições para o fazer.

Objectivos:
Prestação de um conjunto de serviços que contribuam para a manutenção dos idosos no seu meio sócio-familiar promovendo a manutenção do seu bem estar bio-psico-social.

APOIO DOMICILIÁRIO

Destinatários:
Idosos


Capacidade:
45 Utentes

Recursos Humanos:
7 Ajudantes de Apoio Domiciliário

Objectivos:
Prestação de cuidados individualizados e personalizados no domicílio, a indivíduos e famílias quando, por motivo de doença, deficiência ou outro impedimento, não possam assegurar temporária ou permanentemente, a satisfação das suas necessidades básicas e/ou as actividades da vida diária.

<< D E F I C I Ê N C I A  >>
APOIO DOMICILIÁRIO

Objectivos:
Proporcionar  a  jovens  adultos de ambos os sexos,  portadores  de multideficiência, oportunidades de: sair do isolamento; experienciar situações novas  em  ambientes  diferente;   melhorar  a  sua  sociabilidade;   estimular  e descobrir  as suas potencialidades tornando possível, desta forma, um repouso aos familiares e sensibilizar a comunidade para esta realidade.

Capacidade:

40 utentes


Destinatários:
Deficientes de ambos os sexos adultos (mais de 18 anos)

Local:
Estes  serviços são prestados no domicílio (acamados),  e  na Instituição (Lar D. Alzira Oliveira Sampaio) aos restantes.

Recursos Humanos:
5 Técnicas Ajudantes de Apoio Domiciliário a Deficientes Grandes Dependentes

ATIVIDADES

Socialização com:

  • Convívios

  • Musica (Círculo de Percussão)

  • Dança

Actividades de Grupo:

  • Jogos de interior e exterior

  • Festas tradicionais

  • Passeios diversos


Satisfação das necessidades quotidianas de cada utente, procurando-se o estímulo:

  • Autonomia possível

  • Desenvolvimento das actividades ocupacionais

  • Socialização

Inserção e exploração do meio, através de:

  • Ida à feira

  • Ida ao café

  • Idas ao hipermercado, etc.

<< C O M U N I D A D E   R E L I G I O S A  >>

Em  Fafe  as  religiosas  de Calais encontravam-se instaladas em  três  casas,  o  Hospital  da  Misericórdia, com 30 a 35 camas, onde  permaneciam  desde  1897, o Asilo Montenegro, sustentado pela  Câmara  Municipal,  onde  desde  1899  educavam  25  a  30 raparigas,  e  o  Hospício  ou Asilo de Santo António, tutelado pela Misericórdia  que  lhes fora confiado em 1906, e onde tratavam de 20 a 25 pessoas idosas.

Permanecem até hoje ao serviço da Misericórdia, na valência da 3ª Idade, mas na actualidade só com 6 religiosas.

 
Santa Casa da Misericórdia 2015
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal